terça-feira, 18 de novembro de 2008

Minha Coluna no Site do CAP

A velha imprensa

Pode parecer pouco, ou quase nada. A imprensa sabe bem qual não deve ser o seu lugar: dos fuxicos, das intrigas, dos pormenores não existentes. No entanto, permanece fazendo sempre a mesma coisa: distorcendo, distorcendo, distorcendo.

Foi o que ocorreu ontem, em alguns sites de notícias. O que parecia natural, acabou virando manchetes desproporcionais - na tentativa de criar intrigas entre Geninho e a torcida - que ama o treinador que tem pela história e identidade que ele traz consigo.

Pois bem. Após a conquista dos três pontos diante do Vitória, eis que Geninho vai para a coletiva de imprensa. Nas entrelinhas diz que alguns jogadores não têm condições psicológicas de atuar na Arena pela pressão que a torcida exerce e pelas críticas, nos primeiros erros. Foram poucas palavras, mas que viraram um verbo conjugado inteiro, em todos os tempos, de todas as formas, nos sites Terra e na Gazeta Esportiva.

Entre outras coisas, disseram que Geninho reclamava da torcida e pedia apoio ao time.Em que momento ele reclamou da torcida? No máximo, disse que os jogadores se sentiam pressionados e alguns deles. Reclamação? Não ouvi nenhuma. E olha que o Site Oficial traz a entrevista completa para aqueles que quiserem conferir de perto o que disse Geninho. Mas então por que a polêmica? A resposta é simples: tentativa de criar desconforto, de criar notícia que venda audiência e público, vontade desenfreada de ver o Atlético Paranaense perder.

As notícias, claro, não são assinadas por qualquer jornalista. Elas foram escondidas pelo anonimato da informação. Como diz Juarez Villela Filho, numa crítica que me chegou ontem às mãos, Geninho apenas disse literalmente que "a equipe está sentindo muito a cobrança das arquibancadas, então o aspecto psicológico pesou na partida e os jogadores deveriam se sentir empurrados, mas os torcedores mostram impaciência e basta o primeiro erro para começarem as críticas".

Geninho sempre foi um claro entusiasta da torcida atleticana e sempre mostrou o valor do grito da nação atleticana e seu incentivo junto ao crescimento do Atlético na competição.
Enquanto a notícia desagrega, o Furacão segue vencendo, fazendo o seu papel. E que as críticas infundadas não atinjam a Nação Atleticana - unida neste momento com o objetivo de vitória.

E que elas venham!

Nenhum comentário:

Parada!!!

Amigos do blog..devidos a questões pessoais, vou dar uma parada nas postagens aqui da página...quem sabe eu volte a escrever em breve!!!