terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Apareceu a "Margarida"


A vereadora Ana Maria de Holleben do PT de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná,  que é suspeita de forjar o próprio sequestro, disse, hoje, ao aparecer na câmara de vereadores, que não se lembra do que aconteceu no dia em que desapareceu após a posse.
 Ela falou durante a primeira sessão ordinária da qual participou:
“Passei mal, não lembro exatamente a partir daquele momento o que aconteceu. E esta é a verdade”, declarou a vereadora...
A vereadora foi vaiada por manifestantes em sua chegada à câmara , esses manifestantes levavam faixas pedindo explicações  da vereadora sobre o tal sequestro. Foi necessária a intervenção policial para controlar os ânimos.

Nenhum comentário:

Parada!!!

Amigos do blog..devidos a questões pessoais, vou dar uma parada nas postagens aqui da página...quem sabe eu volte a escrever em breve!!!